A Incerteza do movimento de uma bola Oval "¿Qué clase de mundo es éste que puede mandar máquinas a Marte y no hace nada para detener el asesinato de un ser humano?" José Saramago
Sexta-feira, 31 de Maio de 2013
Sousa Lara II - depois da censura, eis a descedência

Aqui ouvi algo que levou a memória aos tempos da censura.

 

http://www.tsf.pt/paginainicial/AudioeVideo.aspx?content_id=3249513

 

Tubo de Ensaio de Bruno Nogueira, passou na TSF, 31/05/2013...

 

Não contente. Fui à procura de mais, e mais... Descobri no Correio da Manhã, uma carrada de links e noticias sobre um tal padre bruxo, de seu nome Duarte Sousa Lara, que pelo nome poderia ser uma coincidência, mas.... o remetem para filho Sousa Lara, o censor de Cavaco Silva, que afrontou a liberdade democrática de expressão ao retirar da lista de obras nomeadas, o Envangelo Segundo Jesus Cristo de José Saramago

 

Aqui fica o link da noticia, via Correio da Manhã 

"Precisamos de mais exorcistas"

Duarte Sousa Lara, padre na diocese de Lamego, diz que há mais pessoas com distúrbios espirituais devido ao incremento da bruxaria.

Há mais hoje do que há duas décadas, mas "continuam a ser poucos para as necessidades com que nos confrontamos. Precisamos de mais exorcistas." É assim que o padre Duarte Sousa Lara, exorcista da diocese de Lamego, se refere à ajuda que a Igreja presta aos fiéis que em Portugal se dizem possuídos pelo demónio. Para este sacerdote, de 37 anos – filho do antigo subsecretário de Estado da Cultura de Cavaco Silva, António Sousa Lara –, que há mais de década e meia estuda a forma de combater "a ação do Diabo na tentativa de destruir a obra de Deus", a Igreja "deve apostar mais na formação de padres para a prática dos exorcismos. Trata-se, segundo diz, de um "ministério muito delicado e que exige grande conhecimento".

Por norma, as dioceses têm um padre, devidamente autorizado pelo bispo, a quem cabe a missão de expulsar o mal das pessoas possuídas. Em Portugal, no entanto, apenas 12 dioceses têm um exorcista oficial, embora quase nenhuma o admita.

"O demónio é muito inteligente, tenta sempre enganar quem lida com ele, e um exorcista não se improvisa. É como na medicina: seria imprudente pôr um estudante do 2º ano a fazer uma operação ao coração, até lá chegar, tem de fazer muitas com os mestres", diz o padre Duarte Sousa Lara, que acompanhou durante 11 anos o sacerdote italiano Gabriel Amorth, considerado o maior exorcista do Mundo. De resto, o padre português, que fala destes assuntos por considerar que "o exorcismo é necessário e implica uma profunda pastoral", lembra que, em apenas duas décadas, a "Itália passou de 30 para 300 exorcistas nomeados pela Igreja". Quanto a Portugal, o sacerdote diz que "as coisas, embora devagar, vão andando no sentido positivo, e há cada vez mais abertura, até dentro da própria Igreja, para debater estes assuntos".

Duarte Sousa Lara, que é pároco de Folgosa, Desejosa e Valença do Douro, na diocese de Lamego, diz que "o aumento dos casos de pessoas com graves distúrbios espirituais tem a ver sobretudo com a paganização que grassa na Europa e com o incremento das práticas de bruxaria, feitiçaria, ciências do oculto, rituais satânicos e coisas desse género". "Tantas coisas que agora estão muito na moda, como o yoga, o reiki ou outras formas de exercício espiritual, são caminhos facilmente percorridos pelo demónio. É preciso ter muito cuidado com essas coisas", adverte.»

 

 

 

 

Lê-se e não se acredita nestas teorias fantasiosas na condução dos fieis e seguidores das religiões.

Agentes que ao serviço de uma igreja, católica ou não, fazem teatrinhos do outro mundo e do além. O objectivo é nublar e tapar a consciência limpa do intelecto de cada um. Somos livres quando pensamos, reflectimos e decidimos. Somos prisioneiros quando seguimos sem pensar, quando decidimos por uma voz de comando.

Os actos de bruxos e bruxarias, não passa de fenómenos para tornar o rebanho mais carneiro, mais cacique, mais seguidor.

Estes actos lembram-me duas organizações, com mais ou menos pintura, com mais ou menos verniz...

Hitler ou Estaline e as suas moles humanas seguidoras. 

Igreja Maná e os seus milagres da multiplicação exponencial das dizímas.

Uns e outros, tornaram, contornaram e conduziram povos à sua quase extinção. A história relata milhões de mortos.

Os terceiros, com milhares de seguidores pelo mundo, conseguiram levar e sacar as poupanças dos que (nos teatros) acreditavam na salvação divína.

O papa Francisco, perante as camaras, e talvez por isso, deu propaganda ao exorcismo, discreto mas terrivelmente demonstrativo...

 

Acreditem que eles «andem» aí... ai andam andam



publicado por blogoval às 09:33
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

Quinta-feira, 30 de Maio de 2013
José Saramago - «falsa democracia»


publicado por blogoval às 17:35
link do post | comentar | favorito
|

Benfica e considerações ou tópicos que correm...

No momento em que Luis Filipe Vieira desapareceu do mapa, e Jorge Jesus fechado em casa (ao que consta) mandou dizer que aceita o certo - 2 anos de contracto... eis que o Benfica retrata com detalhe e requintes gloriosos a nomeação papal; o povo apoiante e não apoiante vive na expectativa.

Que melhor causa, para fazer vender mais uns milhares de jornais da Bola e Record por dia.

Mas enquanto estes dois ilustres senhores discutem o sexo dos anjos à apanhada... comenta-se...

 

Estrutura

Nas derrotas vem sempre à baila, de que tipo, forma e estrutura anda o futebol interno do Glorioso?

Será esta a formula correcta - um presidente - uma voz (ou várias a falarem por esta voz) - um poder totalmente centralizado?

Rui Costa, que poder e que funções. Antes e agora.

Entre o «Vieirismo» do Benfica e o «Pintismo» lá de cima, noto mais semelhanças que diferenças? Será um o aprendiz de feiticeiro do outro?

Será que esta blindagem das estruturas a melhor forma de gerir o futebol?

Há muitos anos que Pinto da Costa não é abertamente discutido e afrontado, de que resulta uma paz duradoura. Luis Filipe Vieira tem o mesmo beneplácito... os que contestam não demonstram credebilidade...até ver...

 

Liderança Intermédia

Deste aspecto resulta o que é emanado por LFVieira. Entre o presidente e os jogadores, quantos mais patamares intermédios existirem menos a voz de comando por ter força e poder. Por outro lado, mais secções de poder, podem controlar diversos aspectos menores mas preponderantes na gestão de uma época.

A estrutura deve ser directa mas eficaz. A fórmula é muito complexa e permite diversas interpretações e opiniões, mas entre Luis Filipe Vieira e Luisão devem existir alguns patamares institucionais, por forma a dar validade à execução dos objectivos.

Vieira tem poder para entrar no relvado e no balneário, mas Luisão não pode bater directamente à porta do gabinete do presidente.

Isto teoricamente reveste-se de uma importância fulcral, tal como é e deve ser realizado no dia a dia.

O mundo do futebol, muitas vezes esquece que o climax acontece na jornada ou no final da época. Mas estes picos teem que ser geridos por «forças» muitas vezes na sombra... o trabalho de treino, fisico e mental, psicológico na gestão de emoções e animos... picos de época, cargas de esforço, relacionamentos directos e indirectos com o exterior... tudo são aspectos dinâmicos e extremamente importantes.

Nestes momentos, e para a estrutura de um clube de futebol considerado pela FIFA o 43.º mais rico estatisticamente nesta temporada, os espaços intermédios na hierarquia devem ser melhor capacitados e entendidos.

Por esta consideração, achei estranho após a derrota no «Dragão» o aparecimento público de um psicólogo brasileiro, cheira a bruxaria... à moda das galinhas pretas atrás da baliza.

 

Disciplina de Balneário - Caso Luizão e Cardozo

Da liderança da estrutura técnica (treinador e restantes elementos de balneário) resulta muito o sucesso da gestão de casos públicos de indisciplina. O movimento violento na Alemanha no início da temporada que o capitão teve contra o árbitro, num momento baixo da época é preocupante por 2 motivos. Pelo acontecimento em si e castigo para o jogador, e também, pela gestão leve do caso, ao qual retirou-se a carga negativa do mesmo.

Em sentido  não oposto, mas num momento da época diametralmente, isso sim oposto, Cardozo esvaziou a frustação e raiva em relvado no momento da perda da Taça de Portugal. Tacuara é substituído e sai do campo naturalmente sem se perceber algum desconforto. Senta-se no banco, e poucos minutos depois cai o céu na cabeça dos jogadores... a equipa foi pela primeira vez humilhada em campo.

A revolta daquele momento, a abordagem contra JJ e o colega de equipa em 2 momentos, aquele dedo em risto acusando o «chefe de campo» com um veemente a «culpa é tua» dá que pensar.

Cardozo sai ou fica? Quer ficar ou sair? Fica e ganha uma nova alma junto da nação benfiquista? Sai e o clube perde um goleador nato? Fica e é excomungado junto do velho fantasma do 3.º anel? Fica com ou sem Jorge Jesus? 

É complexo.

 

Objectivos traçados para a próxima época.

O futebol tem dois aspectos fulcrais. 1.º não há vitórias adquiridas - 2.º venda de ilusões.

A beleza do maior espectáculo do mundo é a incerteza, a incerteza vende sonhos e ilusões.

Boavista e Belenenses já venceram 1 campeonato nacional, diversos clubes de 2.ª linha já conquistaram a Taça de Portugal. Isto por si, leva a fazer acreditar no sonho. Daí para o patamar europeu, Benfica e Porto, continua a gerir na sua massa «genética» a  nova Liga dos Campeões. Sonho, sonho, sonho.

No fim da 4.ª época de JJ, com 1 campeonato ganho, um não jogado (a famosa época do Roberto e do circo na baliza), e 2 entregues/oferecidos ao Porto, é difícil para as «gentes» acreditar no agora é que é. Mataram o sonho. Inflexão e descida à realidade e pragmatismo nos objectivos.

Esta é a forma real do sucesso.

De outra forma, Luis Filipe Vieira entra no rol da feira das bruxarias e vendedor da banha da cobra. Depois de Vale e Azevedo, a continuação da venda de ilusões adormecerá a força do clube.

Era importante, em comunicação ao país e aos sócios assumir, para 2013/2014 a luta pelo campeonato e Taça de Portugal, jogar a fase de grupos da Liga dos Campeões. Só. 

Tornava a verdade fria, certa, directa e unificadora.

Agora repetir, como em 2012/2013 um discurso flutuante, tanto o objectivo era o campeonato, como imediatamente a seguir era tudo... só serviu para esta época....

 

... parte 2... de seguida



publicado por blogoval às 10:17
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 27 de Maio de 2013
ACARDITAS?


publicado por blogoval às 15:15
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 26 de Maio de 2013
Benfica... teoria confirmada...
Derrota na Final da Taça de Portugal
SL Benfica 1 - 2 Vitória SC Guimarães
Jorge Jesus e a equipa do Benfica perdem a final por culpa própria.
Os jogos de futebol, jogam-se, ganham-se, perdem-se... mas não se controlam...
Os movimentos ascendestes, descendentes, transições, zonas de conforto, momentos ofensivos com posições defensivas avançadas, os momentos de controlar a bola na pose do adversário, os momentos de marcação individual ou «à zona»... o futebol é isto... não é controlar o resultado como posição dominante de uma equipa.
Faz hoje 14 anos, em 26/05/1999, deu-se o chamado «milagre de Barcelona». A final da Liga dos Campeões, foi jogada pelo Bayern de Munique contra o Manchester United. Aos 6 minutos, Basler marcou para os bávaros.
Durante 84 minutos, os alemães jogaram e controlaram o desespero dos vermelhos de Manchester.
O «milagre» começa aos 90 minutos. Teddy Sheringham e Ole Gunnar Solksjaer, acabados de entrar, em 2 momentos (cantos) ofensivos com toda a carne no ataque, dão a volta ao resultado.
Fica para a história o veneno que o Jorge Jesus vive neste momento e nesta época.
O momento de fazer o 2 a 0, é eternamente adiado com trocas de bola a meio campo.
Os resaltos, as bolas mal despachadas, a falta de pernas, a incapacidade mental, a falta de voz de comando em campo, levou à coincidência de 2 bolas à baliza.
O futebol é isto.... ataque, marcar, ataque, marcar.... a imprevisibilidade do resultado dá a este veneno, a este desporto, a este vício momento de 90 minutos caracteristicas irracionais... a quente tomam-se atitudes e decisões... hoje os bestiais do antes Estoril Praia são as veneradas bestas do pós Vitória SC e do durante Chelsea....
E agora, meses e meses em azia e agonia... para o ano há mais... quem faz as promessas?
Luis Filipe Vieira ou Jorge Jesus? 
Qual dos dois pode prometer o para o ano é que é?
Como LFVieira não abandona o barco, o elo mais fraco é Jorge Jesus. Este parece de pedra e cal, numa estranha gestão dúbia de renovação do contrato.
Estatísticamente, em 6.000.000 de benfiquistas existem tantas verdades e reações em final de época.
Amanhã, existirão outras mais frias.
Vão as férias arrefecer as opiniões camufladas ao mesmo tempo com chegada de carradas de nomes... em Agosto, lembraremos o quão penoso e difícil foi esta época, alimentada com a ideia de que é importante chegar às decisões...

No futebol, neste vício das sociedades ocidentais, já que para as américas do norte os desportos teem que ter pontos em barda, os animos renovam-se mais depressa que as forças anímicas individuais... para o ano há mais... mas eu gosto de sangue e ajustes de contas... chegou a hora de se servir numa bandeja a cabeça de alguém... a de Rui Costa já tinha sido decapitada... agora aposto na de Carraça

tags:

publicado por blogoval às 20:47
link do post | comentar | favorito
|

Final da Taça de Portugal 89/90 - Estrela da Amadora vs Farense (2-1 na finalissíma)


publicado por blogoval às 12:44
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 25 de Maio de 2013
Bertolt Brecht - «Louvor do Revolucionário»

Bertolt Brecht - «Louvor do Revolucionário»



Quando a opressão aumenta 
Muitos se desencorajam 
Mas a coragem dele cresce. 
Ele organiza a luta 
Pelo tostão do salário, pela água do chá 
E pelo poder no Estado. 
Pergunta à propriedade: 
Donde vens tu? 
Pergunta às opiniões: 
A quem aproveitais? 

Onde quer que todos calem 
Ali falará ele 
E onde reina a opressão e se fala do Destino 
Ele nomeará os nomes. 

Onde se senta à mesa 
Senta-se a insatisfação à mesa 
A comida estraga-se 
E reconhece-se que o quarto é acanhado. 

Pra onde quer que o expulsem, para lá 
Vai a revolta, e donde é escorraçado 
Fica ainda lá o desassossego. 



publicado por blogoval às 17:23
link do post | comentar | favorito
|

Final Champions League - Borussia Dortmund e FC Bayern München - 2012/12


publicado por blogoval às 17:08
link do post | comentar | favorito
|

“Carta Aberta” ao Presidente por Carlos Vaz
Carta publicada no Facebook, por Carlos Paz

“Meu caro Ilustre Prof. CAVACO SILVA,

Tomo a liberdade de me dirigir a V. Exa., através deste meio [o Facebook], uma vez que o Senhor toma a liberdade de se dirigir a mim da mesma forma. É, aliás, a única maneira que tem utilizado para conversar comigo (ou com qualquer dos outros Portugueses, quer tenham ou não, sido seus eleitores).

Falando de eleitores, começo por recordar a V. Exa., que nunca votei em si, para nenhum dos cargos que o Senhor tem ocupado, praticamente de forma consecutiva, nos últimos 30 anos em Portugal (Ministro das Finanças, Primeiro Ministro, Primeiro Ministro, Primeiro Ministro, Presidente da República, Presidente da República).

No entanto, apesar de nunca ter votado em si, reconheço que o Senhor:
1) Se candidatou de livre e espontânea vontade, não tendo sido para isso coagido de qualquer forma e foi eleito pela maioria dos eleitores que se dignaram a comparecer no acto eleitoral;
2) Tomou posse, uma vez mais, de livre vontade, numa cerimónia que foi PAGA POR MIM (e por todos os outros que AINDA TINHAM, nessa altura, a boa ventura de ter um emprego para pagar os seus impostos);
3) RESIDE NUMA CASA QUE É PAGA POR MIM (e por todos os outros que AINDA TÊM a boa ventura de ter um emprego para pagar os seus impostos);
4) TEM TODAS AS SUAS DESPESAS CORRENTES PAGAS POR MIM (e pelos mesmos);
5) TEM TRÊS REFORMAS CUMULATIVAS (duas suas e uma da Exma. Sra. D. Maria) que são PAGAS por um sistema previdencial que é alimentado POR MIM (e pelos mesmos);
6) Quando, finalmente, resolver retirar-se da vida política activa, vai ter uma QUARTA REFORMA (pomposamente designada por subvenção vitalícia) que será PAGA POR MIM (e por todos os outros que, nessa altura, AINDA TIVEREM a boa ventura de ter um emprego para pagar os seus impostos).

Neste contexto, é uma verdade absoluta que o Senhor VIVE À MINHA CUSTA (bem como toda a sua família directa e indirecta).

Mais: TEM VIVIDO À MINHA CUSTA quase TODA A SUA VIDA.

E, não me conteste já, lembrando que algures na sua vida profissional:
a) Trabalhou no Banco de Portugal;
b) Deu aulas na Universidade; no ISEG e na Católica.

Ambos sabemos que NADA DISSO É VERDADE.

BANCO DE PORTUGAL: O Senhor recebia o ordenado do Banco de Portugal, mas fugia de lá, invariavelmente com gripe, de cada vez que era preciso trabalhar. Principalmente, se bem se lembra (eu lembro-me bem), aquando das primeiras visitas do FMI no início dos anos 80, em que o Senhor se fingiu doente para que a sua imagem como futuro político não ficasse manchada pela associação ao processo de austeridade da época. Ainda hoje a Teresa não percebe como é que o pomposamente designado chefe do gabinete de estudos NUNCA esteve disponível para o FMI (ao longo de MUITOS meses. Grande gripe essa).

Foi aliás esse movimento que lhe permitiu, CONTINUANDO A RECEBER UM ORDENADO PAGO POR MIM (e sem se dignar sequer a passar por lá), preparar o ataque palaciano à Liderança do PSD, que o levou com uma grande dose de intriga e traição aos seus, aos vários lugares que tem vindo a ocupar (GASTANDO O MEU DINHEIRO).

AULAS NA UNIVERSIDADE: O Senhor recebia o ordenado da Universidade (PAGO POR MIM). Isso é verdade. Quanto ao ter sido Professor, a história, como sabe melhor que ninguém, está muito mal contada. O Senhor constava dos quadros da Universidade (hoje ISEG), mas nunca por lá aparecia, excepto para RECEBER O ORDENADO, PAGO POR MIM. O escândalo era de tal forma que até o nosso comum conhecido JOÃO DE DEUS PINHEIRO, como Reitor, já não tinha qualquer hipótese de tapar as suas TRAPALHADAS. É verdade que o Senhor depois acabou por o presentear com um lugar de Ministro dos Negócios Estrangeiros, para o qual o João tinha imensa apetência, mas nenhuma competência ou preparação.

Fica assim claro que o Senhor, de facto, NUNCA trabalhou, poucas vezes se dignou a aparecer nos locais onde recebia o ORDENADO PAGO POR MIM e devotou toda a vida à sua causa pessoal: triunfar na política.

Mas, fica também claro, que o Senhor AINDA VIVE À MINHA CUSTA e, mais ainda, vai, para sempre, CONTINUAR A VIVER À MINHA CUSTA.

Sou, assim, sua ENTIDADE PATRONAL.

Neste contexto, eu e todos os outros que O SUSTENTÁMOS TODA A VIDA, temos o direito de o chamar à responsabilidade:
a) Se não é capaz de mais nada de relevante, então: DEMITA-SE e desapareça;
b) Se se sente capaz de fazer alguma coisa, então: DEMITA O GOVERNO;
c) Se tiver uma réstia de vergonha na cara, então: DEMITA O GOVERNO e, a seguir, DEMITA-SE.

Aproveito para lhe enviar, em nome da sua entidade patronal (eu e os outros
PAGADORES DE IMPOSTOS), votos de um bom fim de semana.

Respeitosamente,
Carlos Paz”


publicado por blogoval às 17:00
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 24 de Maio de 2013
Moutinho - à atenção da LAGARTAGEM...

... tão amigos que são na luta contra o SLBEnfica... gostava de ver o golpe de teatro que seria/será, o FCPorto vender Jamez e Moutinho ao Mónaco num pacote de verbas e condições, em que seria inflaccionada o valor da venda de Jamez e reduzida abaixo dos 11M€, para evitar o pagamento dos 25% salvaguardados entre as partes na venda de 2010.



publicado por blogoval às 15:48
link do post | comentar | favorito
|

Também há fruta no Moreirense???

 

PUTA QUE PARIU ESTA GENTE TODA

Puta que pariu quem permitiu que as escutas, as provas com factos e administrativamente não aceites como regulares, tivessem sido desconsideradas.

O futebol português está podre, cheira a mofo por todos os lados.

 

Aqui

Noticias ao Minuto

http://www.noticiasaominuto.com/desporto/76151/moreirense-subornou-jogadores-para-subir-%C3%A0-i-liga#.UZ98ZKK1H5I

 

«O Jornal de Notícias avança esta sexta-feira com a notícia de que o Moreirense, enquanto pessoa colectiva, o vice-presidente do clube, Orlando ‘Alhinho’ Silva, o filho do presidente, Pedro Magalhães, os ex-jogadores do clube Nuno Mendes e Sérgio Grilo, e o ex-jogador da Naval 1º de Maio, José Williams, estão acusados de corrupção.

De acordo com o despacho do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Coimbra, a que o Jornal de Notícias teve acesso, os dirigentes do clube tentaram subornar seis jogadores da Naval 1º de Maio e do Santa Clara de forma a garantir as vitórias do Moreirense e consequente subida à I Liga.

Pedro Magalhães, o filho do presidente, e Orlando ‘Alhinho’, vice-presidente, terão sido os responsáveis pelo plano que foi posto em prática pelos ex-jogadores Nuno Mendes e Sérgio Grilo. Estes ficaram responsáveis por entrar em contacto com os jogadores da Naval 1º de Maio e do Santa Clara e oferecer-lhes ‘luvas’ de 5 mil e 7.500 euros. Estão todos acusados de seis crimes de corrupção activa.

Apesar dos esforços, só o então jogador da Naval, Williams (actualmente no Feirense), se deixou subornar e, por isso, está acusado do crime de corrupção passiva. No antepenúltimo jogo da época de 2011-2012, o futebolista, que já tinha aceitado o dinheiro, foi expulso com um cartão vermelho directo por uma entrada grosseira sobre o adversário.

Os outros cinco jogadores abordados recusaram-se a entrar no esquema e foram Manuel Godinho e Hugo Santos, da Naval, que denunciaram o caso à Polícia Judiciária.

A moldura penal para o crime de corrupção activa é de pena de prisão até três anos ou multa. Já o crime de corrupção passiva, de que o jogador Williams é o único acusado, é punível com pena de prisão até cinco anos.»



publicado por blogoval às 15:44
link do post | comentar | favorito
|

Miguel Sousa Tavares - “Nós já temos um palhaço. Chama-se Cavaco Silva"

Via Noticias ao Minuto - 

http://www.noticiasaominuto.com/politica/76147/sousa-tavares-chama-palha%C3%A7o-a-cavaco-e-diz-que-pior-%C3%A9-dif%C3%ADcil#.UZ9y96K1H5I

 

“Já não temos idade para brincar aos generais”, começa por sublinhar Miguel Sousa Tavares numa extensa entrevista publicada hoje no Jornal de Negócios. E prossegue: “O pior que nos pode acontecer é um Beppe Grillo, um Sidónio Pais. Mas não por via militar”.

Nesta senda, questionado sobre se um dia nos pode “calhar um ditador populista, um palhaço”, numa alusão a declarações de Pacheco Pereira, Sousa Tavares responde: “Nós já temos um palhaço. Chama-se Cavaco Silva. Muito pior do que isso, é difícil”.

O comentador político e escritor, que lança agora a sua obra mais recente, ‘Madrugada Suja’, faz notar, no mesmo tom cáustico, que “estamos hoje reduzidos aos Passos Coelhos e Antónios Josés Seguros. Que são o grau zero da política”.

No entender de Sousa Tavares, “os três mal endémicos de Portugal são a dependência do Estado, o poder das corporações e a inveja”, lembrando, a este propósito, uma tese do seu pai a qual indicava “que os países não progridem sem elite e que a elite portuguesa morreu toda em Alcácer-Quibir”.

O escritor define ainda os portugueses como ora sendo “escravos”, ora sendo “reis”. “São capazes do melhor e do pior”, concretiza Sousa Tavares.

 

------------------------- \o/ --------------------------- 

 

 

Via Jornal de Negócios - 

http://www.jornaldenegocios.pt/economia/politica/detalhe/miguel_sousa_tavares_admite_ter_sido_excessivo_em_relacao_a_cavaco.html

A Procuradoria Geral da República abriu um inquérito a Miguel Sousa Tavares na sequência de declarações hoje ao Jornal de Negócios por serem suscetíveis de configurar um crime de ofensa à honra do Presidente da República.

A PGR considerou que "as expressões proferidas são susceptíveis de integrar a prática do crime de ofensa à honra do Presidente da República, previsto no artigo 328.º do Código Penal".

A Procuradoria Geral da República abriu um inquérito a Miguel Sousa Tavares na sequência da sua

entrevista hoje ao Jornal de Negócios por serem susceptíveis de configurar um crime de ofensa à honra do Presidente da República.

 

 

-------------------------------------------------------- \o/ -------------------------------------------------------------------

 

 

Dizia José Saramago, que só os homens livres e que não tenham nada a perder, podem lutar e combater pelas suas verdades sem medo que lhes roubem o pão ou a liberdade fisica, porque éssa está sujeita a um código cívil, embora a liberdade intelectual só está condicionada pela introspecção da pessoa.

Miguel Sousa Tavares, abriu a boca, o jornal deu o destaque e fez a parangona que lhe aprove.

Pode ser discutível o tamanho e interpretação das palavras, o peso negativo da profissão e figura do palhaço, do pobre claro está, não do rico, porque essa tem «sindicato». Mas há algo que não tem contestação dentro de uma enorme franja da sociedade, é que Cavaco Silva é o pior Presidente desta República.

Foi Cavaco Silva que desonrou o papel da sua figura institucional, ao não interromper as suas férias aquando da morte de José Saramago. Foi esse senhor que na recente visita a uma das maiores feiras de livro das «américas», em Bogotá, voltou a não referenciar e a fazer a paz com o nome inestimável de Saramago.

Foi Cavaco que viu as vacas açoreanas a rirem-se para ele. É Cavaco que brame nevoeiros e lembra que ele avisa, como se de um aviso bastasse para que o povo seguisse melhores sortes.

Foi também Cavaco que se remete ao silêncio e ninguém sabe dele.

E foi vergonhosa a alusão à miséria da reforma que ele ganha e que não lhe chega para as despesas do fim do mês. Ganha 485€? Não. Ganha mais de 10.000 €, está tudo dito, quando o nojo que se sente ultrapassa o decoro das palavras

Na história do Portugal recente, não moderno porque não chegámos a esse patamar, em 39 anos decorridos do 25 de Abril, houve uma figura de estado que fechou as festevidades do 5 de Outubro de 2012 e as comemorações do 25 de Abril, agora em 2013, para longe do Palácio de Belém - este acto por si só demonstra a categoria e a linha de pensamento de tal figura. 

Afastar o povo, afastar a plebe, afastar os ignorantes... repelir tudo o que possa apelar às liberdades e garantias das gentes deste país.

Cavaco Silva, é pelos barómetros politicos, o primeiro presidente que tem o indice de popularidade mais baixo de sempre, e baixo, leia-se negativo.

Consultado o quadro da CNE, é importante lembrar quem elegemos. As eleições de 2011 para as presidenciais, teve uma taxa de abstenção de 53,48% (5.164.859 eleitores que não votaram), mais 277.593 votos brancos e nulos.

Dos eleitores, 52,95% votaram na reeleição deste senhor (2.231.956).

Se considerármos pelos barómetros políticos, se a taxa de rejeição e opinião negativa ou muito negativa for de 66%, onde os restantes não sabem, não respondem, não teem opinião ou até ainda gostam dele, por esta percepção numéria, estou em crer que perto de 1.500.000 eleitores o pretendem ver dali para fora.

Isto demonstra o quê?

Demonstra que a figura historicamente menos contestada da sociedade civil, conseguiu ser umas das mais odiadas, sem ser capaz de ser o garante da estabilidade de tensões, já que ele divide e não une.

Atente-se nesta situação. Se Portugal tiver uma catástrofe natural ou um atentado, não se vê no carácter esfingico de Cavaco Silva uma emoção que possa confortar uma população. Barack Obama tem tido o azar de ser chamado a prestar este triste serviço, mas genuinamente o mundo inteiro sente nela uma força e um apoio...

 

Miguel Sousa Tavares, já veio dizer na TSF que se excedeu no ataque à figura de estado... e depreende-se que do homem nem merece consideração.


 

 

Resultados Nacionais
InscritosVotantesAbstençõesBrancosNulos
TotalPercent.TotalPercent.TotalPercent.TotalPercent.
9657312 4492453 46,52% 5164859 53,48% 192127 0,00% 85466 0,00%
 

 Votação por Candidato - Resultados Nacionais
 Aníbal António Cavaco SilvaManuel Alegre de Melo DuarteFernando de La Vieter Ribeiro NobreFrancisco José de Almeida LopesJosé Manuel da Mata Vieira CoelhoDefensor de Oliveira Moura
Total 2231956 831838 593021 301017 189918 67110
Percent. 52,95% 19,74% 14,07% 7,14% 4,51% 1,59%

 



publicado por blogoval às 15:04
link do post | comentar | favorito
|

COMEÇOU A ERA DO INVESTIMENTO .... * ver anexo observações

"Vítor Gaspar decretou o fim do primado da consolidação orçamental. Realizado o ajustamento externo e conquistado o regresso aos mercados, o Governo quer iniciar uma nova fase de investimento, crescimento e criação de emprego. A estrela do pacote de medida é um "supercrédito fiscal" cujo impacto o Executivo não quantifica."
Álvaro: Gaspar, olha lá... mas vão vir chartéres de investimentos???
Gaspar: olha lá Álvaro... acredita que sim, isto é algo nunca visto, toma nota que Portugal nunca mais será como dantes...
Álvaro: .... xiiii.... o meu ministério vai ser a estrela da recuperação....
Gaspar: (levanta-se) Álvaro, o ministério não é teu... o governo sou EUUUUUUU!!!!!!! (vê-se um brilho nos olhos)... Portugal sou EU - EU sou Portugal.... 
Álvaro: não, não e não... o que é que eu faço aqui?
Gaspar: (em versão Rouxinol Faduncho) para ti só tenho uma palavra - Cão de Loiça....
Álvaro: mas isso são 3 palavras, cão de loiça..... 
Gaspar: vocês os portugueses são mesmo coisinhos... já bem dizem os meus irmãos alemães....

tags:

publicado por blogoval às 09:43
link do post | comentar | favorito
|

JáFumega - «Latin' América»


regresso aos palcos...

tags:

publicado por blogoval às 09:07
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 23 de Maio de 2013
Papa Francisco e o alegado acto de exorcismo


... exorcismos, religiões, bruxarias, ritos e rituais... há lugar para tudo...

e respostas para as questões do homem social?

e a intervenção da igreja católica no mundo, e em particular na europa?

vai de recto....

tags:

publicado por blogoval às 11:06
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
30
31


posts recentes

Redireccione para o blog ...

Verão Quente de 2013

... do «paradigma» de uma...

Euromilhões e as probabil...

José Saramago - «in memor...

Pedro Abrunhosa - 'Toma C...

Martin Luther King's - Ma...

PS e PCP com maioria abso...

Vitor Gaspar o falso mete...

Pablo Aimar, a quem chama...

Porutgal e o LIXO na noss...

José e Pilar - o filme - ...

José Saramago - Entrevist...

Portugueses e a libertaçã...

Grupo Controlinveste vend...

arquivos

Janeiro 2015

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Abril 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

tags

josé saramago(93)

outros cadernos de saramago(81)

benfica(61)

mundial de futebol(22)

carlos queiroz(9)

cavaco silva(9)

josé sócrates(9)

manuel joão vieira(9)

selecção nacional(9)

liga2010/11(8)

estrela da amadora(7)

futebol(7)

jorge jesus(7)

josé mourinho(7)

tsf(7)

500 metal(6)

carlos cruz(6)

casa pia(6)

champions league(6)

heavy metal(6)

saramago(5)

25abril(4)

antónio feio(4)

crise(4)

henricartoon(4)

manowar(4)

pedro passos coelho(4)

portugal(4)

sporting(4)

balas e bolinhos(3)

carl sagan(3)

casamento gay(3)

cosmos(3)

inter de milão(3)

luis freitas lobo(3)

papa(3)

pedro abrunhosa(3)

politica(3)

psd(3)

roberto(3)

socrates(3)

agostinho da silva(2)

apito dourado(2)

arrábida(2)

atletismo(2)

baltasar garzón(2)

campeões(2)

cuba(2)

educação(2)

elefante(2)

emperor(2)

enapá2000(2)

festa do avante(2)

fpf(2)

frança(2)

governo(2)

iraque(2)

iron maiden(2)

israel(2)

metallica(2)

passos coelho(2)

playboy(2)

portagens(2)

porto(2)

ps(2)

pt(2)

real madrid(2)

ricardo rodrigues(2)

sócrates(2)

tgv(2)

troika(2)

zeca afonso(2)

1.º maio(1)

100 anos(1)

11/9(1)

2010(1)

86 anos(1)

abril(1)

acidentes(1)

aeroportos(1)

agências de rating(1)

aimar(1)

alentejo(1)

álvaro cunhal(1)

ambiente(1)

aminatou haidar(1)

animação(1)

ano morte ricardo reis(1)

antena1(1)

avante(1)

barack obama(1)

bento xvi(1)

bertolt brecht(1)

bes(1)

biblioteca nacional(1)

blind guardian(1)

blog(1)

bnp(1)

bp(1)

braga(1)

todas as tags

links
«Viagem a Portugal» - José Saramago

Ver Viagem a Portugal - José Saramago num mapa maior
Counter
blogs SAPO
subscrever feeds